quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

Amigos...

É impressão minha, ou todas as pessoas que eu considero amigas estão se afastando de mim de alguma forma?
Deveria continuar a tentar?
Sou a única que me importo com minhas amizades?
Eu tento.
Perco noites, me preocupo, movo o MUNDO e nada...
Será melhor buscar por novos ares?
Novos sorrisos?
Dizem que amizades não morrem, que amigos são para sempre e amores passageiros.
Acho que toda regra tem sua exceção e eu sou ela.
Porque comigo as amizades não duram e o amor consegue ser cada vez mais forte.



quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Descobrindo meu mundo


Em toda minha vida morri de amores.
Cada nova paixão era realmente o mundo para mim.
Ficava atrás daquele príncipe, daquela perfeição criada da 7ª arte.
O tempo passou e todos esses mundos se foram.
Não sabia se me apaixonava com facilidade, não sabia se era imaturidade, não sabia o que queria na realidade.

Eu esperei.
Eu esqueci.
Eu vivi feliz.
Daí você veio.

É incrível como eu não me deixava permitir.
Novamente esses mundos de ilusões? Não dessa vez.
Mas você foi quebrando cada conceito meu.
Você trouxe de volta o sonho que eu sempre quis.
O amor existia afinal.

Não mais olhar sobre a escuridão da noite a procura do brilho das estrelas.
Não mais imaginar alguém.
Não mais poesias ou poemas de contos fajutos.
Agora era só você.

O que eu posso dizer?
Que eu não seria feita para você?
Que você não é perfeito para mim?
Isso tudo poderia ser algo real?

Cada vez te vejo mais humano, e isso é realmente fascinante.
Te vejo errando, te vejo aprendendo, te vejo verdadeiro.
E isso me fascina porque eu amo tudo em você.
Isso seria real com os outros mundos?

Não meu caro amante. Você é único.
Suas palavras, suas ações, sua integridade.
Sua lealdade, mansidão e carisma.
Seus beijos, abraços e afagos.

A maior prova de que É você é simplesmente Nós.
O que somos, o que nos tornamos, o que queremos.
Eu me apego a isso: Ao nosso mundo.
Melhor mundo para se viver!

Não suportaria me roubarem esse mundo.
Enfrentaria tudo e todos pela sobrevivência dele!
De todas as minhas glórias essa é a maior.
Você.



sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Stranger...

Estranha.




É assim como estou me sentindo hoje.
Sei lá...Tudo sem graça.
Me sinto forçada pela a sociedade, pelo mundo, pelas pessoas a pensar da forma que eu não quero, a agir como eu não quero, a parecer como eu não quero.
To cansada de tantas contradições, de tantas ironias e de tantas reclamações.
Cansada de insistir em ser diferente e ver os que deviam ser diferentes todos iguais.
É tão RUIM isso!
Vê o mundo do jeito que está...Vê no que o homem se tornou. Vontade de explodir isso aqui.
Você tenta imaginar um socorro, um lugar para ser um porto seguro e um paraíso na Terra.
Daí eu paro e penso, paro e assisto, paro e leio, paro e vejo. Chego a conclusão que NÃO.
É impossível. Aqui não existe. Se um dia existiu já se foi. E eu queria ir junto!



Queria ir logo para o lugar onde não encontro falsidade, onde não encontro maldade, onde tem segurança, amor de verdade, união, lealdade.
Eu sei onde irei encontrar: Com o meu Senhor nos céus. Espero ansiosa pelo dia da sua volta e hoje em percebi que não me incomodaria se ele voltasse mesmo sem eu ter feito tudo que eu queria fazer aqui.
Esse mundo já era...E com minha ida daqui todos esses “feitos” se faleceram e não levarei nada comigo.
Eu sei que o que me espera futuramente não se igualará ao mais lindo feito meu aqui na Terra. E é por isso que eu não ligo se eu não fizer tudo que eu quis fazer aqui. Nada que eu fizer aqui poderia se igualar a 0,01% da perfeição que irei ter morando com o meu Rei.



Enfim...É uma postagem de desabafo mesmo. Uma postagem de alguém que já ta cansada mentalmente, fisicamente, e felizmente não espiritualmente.

Não vejo a hora de me livrar desse mundo doente!
E esperarei no Senhor para que me guie e guarde de tudo que acontecer por aqui.
O maior de todos os presentes ele já me deu, morrendo por mim. J
Depois desse foi ter colocado Paulo em minha vida.

Hoje ta difícil de sorrir. É meio complicado explicar. Não é que minha vida está mal. Não. Estou bem. Tenho família completa, sem nenhum vício, unida. Tenho namorado que me respeita, ajuda e ama. Estudo sem gastar um tostão do meu dinheiro. Tenho um estágio de onde posso pagar tranquilamente minhas coisas. Tenho alimento todo dia. Durmo em uma cama todos os dias e não fico com frio ou muito calor. Tenho amigos que me apóiam. Tenho animais que me deixam felizes. Sim eu sou feliz e abençoada.
Porém minha tristeza é gerada pela realidade das coisas. A realidade dessa sociedade PODRE. A realidade de um mundo horrível. Sempre me bate isso alguma vez no mês, essa “ficha” de onde estou.
É deprimente eu sei...Por isso começo a pensar no meu alvo -> Cristo.

É isso ai...Desabafei um pouco. Isso ajudou para enfrentar todas essas coisas.
Estarei em oração...